Diário do Verde - Meio Ambiente em 1º lugar: Outubro 2010

Descer

Assine!

Dia 9: Religião, Ciência e Meio Ambiente

Ciência e Religião
Dois extremos campos da compreensão humana, um que representa o sagrado e incompreensível da essência (Religião) e outro que representa a omnisciência, o saber do possível, (Ciência), opostos que raramente se atraem, veem seus caminhos cada vez mais próximos, atrelados. O que estaria provocando tal mudança? A resposta é uma só: meio ambiente. O meio ambiente está unindo a religião e a ciência, por incrível e impressionante que pareça. Esteja crente que um passado de guerras e discussões, está cessando, e ambas as denominações cada vez mais encontrando pontos em comum, semelhanças e mais semelhanças. Sorte de todos nós.

Dia 8: Moda e Ecologia

Moda Ecológica

Dos estúdios de Hollywood, nos Estados Unidos, à "Fashion Weeks" ao redor do globo, uma presença é marcante: o verde em todos os níveis de beleza. Vestidos, bolsas, acessórios: são infinitos os produtos e objetos, em lojas do Brasil e do Mundo, clamados como ecológicos. Tem para todos os gostos, e para todos os bolsos: de diferentes tamanhos e modelos. A pergunta que fica é: como é que um delírio do consumismo excessivo e impensado da sociedade moderna, aparentemente insustentável e sem controle, pode ser intitulado como ambientalmente correto e consciente? Dá para acreditar na "moda", historicamente aviltada e desprezível à condição dos recursos naturais e sociais? O que há de predicado e lorota no meio da moda? É o que está prestes a descobrir.

"Louvam-se ou criticam-se muitas coisas porque está na moda. Louvá-las ou criticá-las?" [François La Rochefoucauld]

Dia 7: Transporte - Cidades e Soluções

Alternativas
Não é novidade nenhuma, que o trânsito em grandes cidades, as metrópoles, e mesmo em cidades menores, está parando. É muito carro, para pouca gente, em espaço menor ainda. A tecnologia vem anunciando avanços, porém insuficientes para atender a demanda. Ao contrário da opinião da maioria, banir carros, "taxar" a utilização de veículos ou subjugar motoristas e pedestres, não é e nem será a solução para o problema do trânsito. O futuro e a solução tem nome: planejamento e mudança de hábito: o veículo está para a cidade e não a cidade para o veículo.

"Sinal verde em tarde vermelha: um carro cinzento, cruza o amarelo." [Winston]

Dia 6: Energia e Sustentabilidade

Energia Verde
Iluminar os nossos dias. Eis uma pedra a superar. O ouro negro (petróleo), dá sinais que está mais pra latão do que para qualquer outra coisa: está a beira da morte. Carvão é outro que está na listinha para ir desta para melhor. Gás natural, menos poluente, porém fóssil, um dia também vai acabar. Os 3 citados, são as fontes energéticas mais consumidas pelo homem. É preciso, mais do que nunca, estender os braços e abraçar a causa: solucionarmos o paradigma entre energia e sustentabilidade. Ou em breve, o apocalipse energético e ambiental, irá bater em nossa porta, autorizado ou não.

"Faça-se a Luz!" [Deus, Bíblia]

Dia 5: Alimentação Saudável

Alimentação Saudável
"Você é, o que você come". Comer bem não é uma arte, muito menos um luxo. É uma necessidade. Quem tem uma alimentação adequada, controlada, balanceada, vive mais e melhor. Estas pessoas tem um corpo mais atraente, definido e de bem consigo mesmo. A alimentação saudável só traz benefícios a quem pratica, e evita riscos desnecessários, que vão desde a falta de ânimo, geralmente provocada pelos tão indesejáveis "quilinhos a mais", até a casos muito graves, como cirurgias de redução de estômago e até a morte. Sem contar os ganhos para o meio ambiente.

Dia 4: Caos no Clima - Os tempos, mudaram!

Mudanças Climáticas
Mudanças Climáticas. A Terra está em um estado, no mínimo, crítico. De uns tempos pra cá, o clima está "fora de ordem", com catástrofes cada vez mais acentuadas que dizimam ou deterioram a vida de milhares de pessoas, de Norte a Sul, Leste a Oeste do mundo. Os efeitos fazem sentir-se cada vez mais, e apesar das muitas dúvidas que ainda existem (falta de consenso) - que seria irresponsabilidade da minha parte não citar -, uma coisa é certeira: se o planeta corre algum risco, todos nós corremos, e portanto, não é demais precaver e intervir imediatamente.
É paradoxo o aquecimento global, no entanto, perfeitamente possível.

"Se uma coisa é tão importante a ponto de gerar o caos, poderia ser insignificante o suficiente para evitá-lo..." [Luana Felix]

Dia 3: Educação Ambiental

Educação Ambiental

Não poderia dar continuidade a esta série, em seus primeiros dias, sem tocar em um assunto chave: a Educação Ambiental.
Para "ser" verde, é preciso conhecer a proposta da EA (Educação Ambiental), que propôs um meio de relacionar-se educação com a sustentabilidade. Interagir com o verde e ao mesmo tempo, estudá-lo.
A filosofia compreende e converge políticas públicas de diferentes setores da sociedade vista a um horizonte: relacionamento equilibrado entre o ser humano, e o meio ambiente.
Educar "desde criancinha", é um investimento baixo, com grandes retornos: plantemos a semente!

"A educação é a arma mais poderosa que você pode usar para mudar o mundo." [Nelson Mandela]

Dia 2: A gente muda, o mundo muda!

Querer um mundo próspero, verde e saudável, é um direito seu, de todas as pessoas e gerações. Governos e líderes políticos não fazem mais do que a sua obrigação em proteger estas garantias, de interesse de toda a sociedade.
Jogar tudo nas costas dos administradores, porém, é incorreto: somos parte do problema, e igualmente temos a autoridade e o dever de ser parte da solução.
Para que haja mudança, devermos tomar a dianteira, e transformar - encabeçar e liderar a mudança que sonhamos ver um dia.

"Se queremos progredir, não devemos repetir a história, mas fazer uma história nova." [Mahatma Gandhi]

Dia 1: Diretrizes

Bússola
Ordem e direção para o "verde" e seus adeptos.
É preciso ter cuidado onde se pisa. Preservar o verde, é uma ótima causa, mas não dá para confiar em promessas vagas ou deixar-se levar pelas aparências.
É o cúmulo falar de uma coisa sem ao menos saber o que significa. Faça um exame de consciência: você conhece ao menos as definições? Caso a sua resposta seja não, é sinal de alerta.
Encarar os fatos, compreender as verdades, debater as dúvidas, é o primeiro passo para quem quer um futuro melhor.
A participação peculiar de cada um, é fundamental para este processo.

"É melhor prevenir, do que remediar."

15 dias para "ser" verde [SÉRIE]

Ser Verde
Preparado para aderir ao verde, e mudar o seu estilo de vida?
O meio ambiente e a ecologia, hoje em dia, são conhecimentos imprescindíveis, uma tendência positiva que cresce cada vez mais, mundialmente e nacionalmente. No intento de ajudar você a distinguir o "certo" e o "errado", ensinar significados decorosos e enriquecer a sua inteligência, o Diário do Verde iniciará a partir de amanhã a série 15 dias para "ser" verde, anunciada em 1ª mão no Twitter. Mais que falar, se faz necessário ouvir. Aprenda com provas e exemplos, o que a natureza erudita tem a exprimir-nos.

Acompanhe e Participe:
De 22/10 à 05/11, cronograma da campanha, a programação normal do blog será (quase que) interrompida, a fim de focar prerrogativamente na série. A fim de identificar os conteúdos e facilitar a pesquisa, um marcador especial será utilizado: o "SER VERDE". Todos os artigos estarão indexados neste termo.

Não perca esta oportunidade do verde entrar em sua rotina! Para não perder nenhum dos artigos, e ficar por dentro das últimas atualizações, é interessante que:

- Assine o Feed, que é gratuito. Acompanhe as novidades, direto no navegador ou em seu leitor de feeds. Para receber os artigos diariamente em seu e-mail, Assine a Newsletter.
- Siga o perfil oficial do Diário do Verde no Twitter: @diariodoverde, onde os links serão enviados, sem contar as demais notícias e informações exclusivas.
- Fique ligado na tag "SER VERDE", inscreva-se no Google Friend Connect e interaja conosco!

Objetivo:
Propor novas ideias e observações sobre o meio ambiente, que aplicadas em nossa vida, mudará-la para sempre. Guiar, mudar e evoluir: este é o espírito! Entender os problemas e desafios, e traçar novas metas para o futuro.

Não esqueça de expressar a sua opinião! COMENTE!

Índice do Planeta Vivo | 2010 - WWF

Planeta Vivo
A organização ambientalista não-governamental WWF, lançou recentemente o Relatório Planeta Vivo, publicação internacional renomada, que avalia o estado do meio ambiente no planeta, "sua saúde".
Uma estudo rico e detalhado, a principal pesquisa neste sentido, que conta com a colaboração de Global Footprint Network e ZSL - Living Conservation (Sociedade Zoológica de Londres).

Data de Lançamento - Edição 2010: quarta-feira, 13 de outubro.
O relatório é bianual - 
Rede WWF.


Íntegra da Carta de Marina [PV], a Dilma [PT] e Serra [PSDB]

Carta Aberta de Marina a Dilma e Serra


Não esqueça de expressar a sua opinião! COMENTE!

Dia Mundial da Alimentação: 1 bilhão de pessoas passam fome!



Hoje, é o Dia Mundial da Alimentação, data nomeada pela ONU, em 1981, cujo objetivo é elevar os níveis de nutrição e de desenvolvimento rural no mundo. A data marca também o aniversário da criação da Organização das Nações Unidas para a Agricultura e a Alimentação (FAO - Food and Agriculture Organization), em 1945 / Québec - Canadá. O tema do DMA 2010 é: "Unidos Contra a Fome".

Longe de comemorar, temos muitos desafios ainda pela frente.


Água: Cuidar para não Faltar!

A escolha é sua, o destino é nosso

70% da Terra é constituída de água (3 partes de água para uma parte de terra), mesmo valor presente em nosso corpo. Coincidência ou aviso da natureza? A água é um recurso finito e está inserida no contexto social, ambiental, espiritual, racional e econômico. Venha com o Diário do Verde neste debate coletivo, o Blog Action Day, que em 2010 tem como tema  a água. 2ª vez integra-se ao movimento, com o orgulho de ser um dos 100 primeiros do mundo e um dos 5 primeiros da categoria "Verde" a aderir ao evento anual, que acontece a cada 15 de Outubro. Economize: cada pessoa usa em média 465 litros de água por dia, muito mais que o necessário à sobrevivência.

10/10/10 - Dia Global de Soluções Climáticas!

Festa Global de Trabalho

Pessoas ao redor do mundo, se unem no dia de hoje, a uma só voz: o Dia da Ação Climática, promovido pela Organização 350.org, 10:10 e One Day on Earth. Aproveitam este dia, para colocar suas mãos à obra, contra a crise climática, por um planeta melhor. Mapa:


View Actions at 350.org


350.org é uma campanha internacional de bases que tem por fim mobilizar um movimento global de clima, unido pelo mesmo apelo à ação. Disseminando um conhecimento das bases científicas e uma visão partilhada de uma política justa, procuramos garantir que o mundo crie soluções corajosas e igualitárias para a crise climática. 350.org é um projeto independente e sem fins lucrativos. Fundada pelo ambientalista americano Bill McKibben, a 24 de Outubro de 2009. O nome remete à meta de redução da concentração de dióxido de carbono na nossa atmosfera do seu nível atual de 390 partes por milhão, para baixo das 350 ppm, o limite máximo de segurança, de acordo com a ciência mais recente. http://www.350.org/



O movimento 10/10/10, propõe uma tomada de ações imediata dos governos contra o aquecimento global, através da instalação simbólica de painéis solares nos telhados das residências presidenciais. Presidentes signatários comprometem-se a zelar, durante o seu mandato, pelos recursos ambientais de seus países, diminuindo a taxa de emissões de carbono dos mesmos em 10% por pessoa e 3% por organização, por ano. Quem quiser participar deverá se inscrever, e começar a agir a partir de 2010. Todos podem participar. http://www.1010global.org/


"One day on Earth", é uma organização global vinculada ao dia 10/10/10, que convida pessoas em todo o planeta, desde cineastas, estudantes a cidadãos comuns, a gravar a experiência humana de viver em cada nação, ao longo de 24 horas. A ideia é registrar o dia de hoje na Terra.
As pessoas interessadas devem documentar o dia 10/10/10, filmando os acontecimentos decorrentes de hoje. O movimento surgiu em 2008. http://www.onedayonearth.org/

Por que o Mundo Precisa Saber

O Dia em que o Mundo se Uniu

Em Todos os Cantos do Planeta

http://world.350.org/brasil/
No Brasil, estão previstas cerca de 115 iniciativas, conta a coordenadora do 350.org no Brasil, Paula Collet. "Podem participar do movimento pessoas físicas, ONGs, comunidades, igrejas. Basta que inscreva sua ação no site 350.org/pt", diz Paula. [Estadão]

ATUALIZAÇÃO
Balanço final: no total, foram contabilizados 7.374 eventos em mais de 188 países. A ação principal deste ano, similar ao ano passado, era que as pessoas se reunissem e enviassem suas fotos, com o número 350, representando o nível ideal de carbono em partes por milhão na atmosfera.

Não esqueça de expressar a sua opinião! COMENTE!

TV Futura, apresenta: Consciente Coletivo!

Consciente Coletivo

Iniciativa super inteligente proposta para o Diário do Verde, pelo Leonardo Machado, Coordenador de Novas Mídias do Canal Futura.

“Consciente Coletivo” é uma série ecológica de reflexões, composta por 10 episódios, que estreou dia 8 de setembro no Canal Futura. Chamadas de 120 segundos (2 min), estão sendo veiculadas em toda a rede/canal, chamando a atenção das pessoas para os problemas gerados pelo ritmo de produção e consumo de hoje. Além dos vídeos, outros materiais interessantes foram disponibilizados, os quais o Diário do Verde faz questão de divulgar aqui - papéis de parede, avatares, e-mail e twibbon. A ideia é formar um grande “consciente coletivo” pelo meio ambiente na internet, de um jeito simples e divertido!

Assuntos abordados: sustentabilidade, mudanças climáticas, consumo de água e energia, estilo de vida, entre outros, que permeiam o universo da consciência ambiental. 

no banho
Pequenas iniciativas, grandes mudanças!
Sair do chuveiro cinco minutinhos mais cedo do que o de costume pode parecer uma atitude pequena. Mas não é, se somarmos esses cinco minutinhos com os de amanhã, e os de depois de amanhã, e de depois de depois de amanhã... Depois de quatro meses você já economizou 10 mil litros de água. O suficiente para abastecer um caminhão pipa!
Cada episódio, produzido com um curioso processo de animação com papel, ensina o que é e por que é tão importante adotar o consumo consciente no nosso dia a dia. As peças vão ao ar nos intervalos de programação do Canal Futura.
“Quanto mais cedo a criança perceber que suas atitudes têm influência direta no mundo em que vivemos, mais chances temos de reverter o quadro de consumo exagerado e de destruição do planeta”, comenta Helio Mattar, diretor-presidente do Instituto Akatu.
Lúcia Araújo, gerente-geral do Canal Futura, lembra que a sustentabilidade é um dos pilares que orientam a atuação do Canal Futura: “Como um projeto de comunicação para a transformação social e ambiental, que pauta sua atuação televisiva a partir das demandas mais prementes da sociedade, ficamos felizes em participar desse projeto”, afirma Lúcia Araújo.

Assinaturas de e-mail*:

dica

Avatares*:

Ariranha 1Ariranha 2

AveBorboleta

CobraLogo

PersonagemPlaneta


TubarãoVaca

Papéis de Parede*:

Aquecimento
Ariranha
Mapa do Brasil
Animais
Consumo
Planeta
Equilíbrio

Selo para Twitter:

No site Twibbon você aplica o selo da campanha na sua foto do perfil do Twitter! Assim você mostra que apoia uma causa. Fica muito legal, olha só: http://twibbon.com/join/Consciente-Coletivo.

Vídeos:

EPISÓDIO 1

EPISÓDIO 2

EPISÓDIO 3

EPISÓDIO 4

EPISÓDIO 5

*Para imagem em tamanho original, clique para dar zoom.

O projeto Consciente Coletivo é uma parceria do Instituto Akatu, Canal Futura e HP do Brasil.

Não esqueça de expressar a sua opinião! COMENTE!

SWU - Começa com você!


O SWU (Starts With You – Começa Com Você) é um movimento de conscientização em prol da sustentabilidade que tem o intuito de mobilizar o maior número possível de pessoas em torno da causa, mostrando que, por meio de pequenas ações, com simples atitudes individuais do seu dia a dia, é possível ajudar a construir um mundo melhor para se viver. O movimento nasceu da iniciativa de Eduardo Fischer, presidente do Grupo Totalcom, e parte da convicção de que pequenas atitudes podem gerar grandes mudanças.

Depois de amanhã, inicia-se na cidade de Itu - distante cerca de 70 km da capital, o maior festival de música do interior de SP. A Fazenda Maeda, comportará em suas dependências, dos dias 09 a 11 deste mês, o evento "SWU Music and Arts Festival", rotulado por muitos como o "Woodstock brasileiro". A estimativa dos organizadores é receber um público estimado em 300.000 pessoas, em uma área de 200.000 m².
A ideia e proposta do movimento é a ação em prol da sustentabilidade, conscientizando o maior número de pessoas possíveis. Exemplo disso é que além dos shows - de atrações nacionais e internacionais em uma super-estrutura que está sendo montada, ocorrerá no local também o Fórum Global de Sustentabilidade (Inscrições Encerradas), "palco onde especialistas, pensadores, políticos, empresários e representantes de entidades não governamentais discutirão com o público alguns dos principais temas da sustentabilidade no século 21."

Localize-se! - Mapa do Evento.

Para participar, é necessária a compra do ingresso, simples ou vip. Na internet, ainda dá tempo. Aproveite!
Esta é uma oportunidade única, para conhecer as maiores bandas de Rock / Pop e ainda, de quebra, promover o meio ambiente. Todos engajados, por um mundo melhor!
E para facilitar a sua vida, o Diário do Verde preparou uma listinha com 10 informações essenciais, extraídas do site, para você que quer saber mais e divulgar o evento:


  1. Ajude a espalhar esta ideia
  2. Blog SWU
  3. Compromisso Público de Sustentabilidade / Plano de Ações
  4. Dia-a-Dia
  5. Downloads
  6. Festival / Line-UpOrganizadores
  7. Fórum Sustentável - Press Release | Programação
  8. O que é Sustentabilidade?
  9. Perguntas Frequentes / Contato
  10. Venda de Ingressos


Que tal conferir a programação, dos artistas e DJ's?

Bandas
Dj's

O G1, site de notícias da Tv Globo, está fazendo uma cobertura especial do evento. SWU conta com o patrocínio de Oi, Nestlé, Heineken e Coca-Cola. Apoiam: Prefeitura de Itu, Arena Maeda, Prefeitura de São Paulo, TUR. SP e KM Papel.

Para salvar o planeta, a primeira coisa é fazer alguma coisa. Simples assim. Mude hábitos, mostre que é possível e, desta forma, contagie aquele que está aí, do seu lado. Começa com você!
http://www.swu.com.br/pt/


Não esqueça de expressar a sua opinião! COMENTE!

WWF-BRASIL: "Cuidar da Natureza, é Cuidar da Vida"

Cuidar da Natureza é Cuidar da Vida

Brasil - WWFO WWF-Brasil lança hoje o movimento “Cuidar da natureza é cuidar da vida”, sobre a importância da conservação da biodiversidade, como um alerta às consequências que o descuido com a natureza pode provocar. Associada à meta do WWF-Brasil de contribuir para que a sociedade brasileira alcance o desmatamento zero até 2015, a iniciativa teve uma primeira etapa que, durante o mês de setembro, instigou a população a responder à pergunta “O que você precisa pra viver?”. Sem saber que o WWF-Brasil era o autor da campanha, foram enviadas respostas variadas. Hoje, ao lançar o movimento, a organização responde que “Para viver você precisa que a natureza também viva” e apresenta uma lista com 10 áreas prioritárias para a criação de novas unidades de conservação na Amazônia, Caatinga, Cerrado, Mata Atlântica e Pantanal.
Amor, amigos, sol, saúde e família foram as principais respostas da primeira etapa coletadas nas ruas, no Twitter, no Facebook e no Youtube. “A ausência da natureza nesse tipo de preocupação mostra a necessidade de valorização desse tema na opinião pública nacional”, afirma Denise Hamú, secretária-geral do WWF-Brasil. “Esse processo de conscientização sobre o papel que a biodiversidade tem na vida de todos nós é mais urgente do que nunca, pois não é exagero dizer que, vivemos uma crise de biodiversidade, que coloca em risco a nossa saúde e meios de subsistência. Podemos reverter essa situação, por isso a campanha pretende indicar soluções para a sociedade brasileira.”
A resposta “Para viver você precisa que a natureza também viva” sustenta sua argumentação na manutenção dos serviços ecológicos, como o equilíbrio climático e a prevenção e recuperação de desastres ambientais; no uso direto da biodiversidade, como os recursos naturais que fornecem remédios, fibras e combustíveis para a garantia do nosso bem-estar; na segurança de estoques de alimentos naturais como peixes, frutas e verduras; e no uso público, pois as áreas protegidas também podem ser fonte de lazer e aprendizado. Sem esquecer os benefícios econômicos, pois a biodiversidade é um recurso do qual dependem famílias, comunidades e gerações futuras.
A campanha de comunicação integrada foi criada pela agência Repense, e incluí ações on-line, com foco nas mídias sociais, propaganda e ações de mobilização urbana que serão implementadas nos próximos meses. Grandes empresas também aderiram à primeira etapa do movimento, apoiando a disseminação da mensagem. O Walmart Brasil veiculou a vinheta “O que você precisa para viver?” em quatro mil televisores em suas lojas por meio de seu canal TV Walmart; o Yazigi divulga em sua rede que conta com 420 escolas; a Seguros Unimed espalhou peças da campanha por sua comunicação interna; e os hotéis da rede Sol Meliá em Brasília prepararam uma comunicação especial para engajar os hóspedes no movimento, com cartazes nos elevadores e cartões-postais na recepção. A indústria farmacêutica Boehringer Ingelheim programou a distribuição de cartões postais da campanha e sementes para o público do Edifício Rochaverá, o primeiro empreendimento greenbuilding de São Paulo.

WWF-Brasil propõe a criação de unidades de conservação em 10 áreas prioritárias

Em tempos relativamente recentes, o mundo começou a perder espécies e habitats a uma velocidade alarmante. Na área de farmacologia, a estimativa é que entre 50 mil e 70 mil espécies vegetais sejam fontes de ativos para uso na medicina tradicional e moderna em todo o mundo. A poluição, o uso excessivo dos recursos naturais e a expansão urbana e industrial levam muitas espécies à extinção. A cada ano, aproximadamente 17 milhões de hectares de floresta tropical são desmatados. Avaliações sugerem que, se esse ritmo se mantiver, entre 5% e 10% das espécies que habitam as florestas tropicais poderão estar extintas dentro dos próximos 30 anos.
Por isso, uma ação diretamente ligada ao movimento é a proposta de criação de unidades de conservação em dez áreas prioritárias. Estes espaços instituídos pelo poder público terão a finalidade de conservar as características naturais relevantes em cada área. A lista criada pelo WWF-Brasil é uma sugestão para o governo brasileiro alcançar, ainda em 2010, as metas de cobertura natural protegida por unidades de conservação estabelecidas pela Convenção sobre Diversidade Biológica da Organização das Nações Unidas (CDB).
Os focos são a Reserva Extrativista Baixo Rio Branco – Jauaperi (Amazonas), o Parque Nacional dos Lavrados (Roraima), o Parque Nacional Chapada dos Veadeiros (Goiás), o Parque Nacional Boqueirão da Onça (Bahia) e outras unidades no Cerrado do Amapá, no Tabuleiro do Embaubal (Pará), no Croa (Acre), no extremo Sudoeste do Pantanal e em Bertioga, São Paulo. No âmbito da CDB, o governo brasileiro se comprometeu a garantir a cobertura, por unidades de conservação, de 10% em cada bioma (conforme a área original) e de 30% na Amazônia. Hoje, somando todas as unidades existentes no País, ainda resta proteger aproximadamente 2,5% do território nacional em área terrestre e 8,5% em área marinha.

Fonte: WWF-Brasil.

Wallpapers!!!

WWF Brasil - Wallpaper 1
WWF Brasil - Wallpaper 2
WWF Brasil - Wallpaper 3
WWF Brasil - Wallpaper 4
WWF Brasil - Wallpaper 5

Não esqueça de expressar a sua opinião! COMENTE!

© Direitos reservados à Diário do Verde | Desenvolvido por Crie Web | Licença: CC 3.0 Internacional/Brasil Subir